Açúcar fecha com leve alta em Nova York, seguindo petróleo

80

     Porto Alegre, 04 de novembro de 2019 A Bolsa de Mercadorias de Nova York (ICE Futures US) para o açúcar bruto encerrou o pregão eletrônico com cotações levemente mais altas.

    O mercado avançou seguindo os ganhos do petróleo, diante da expectativa de um acordo comercial entre Estados Unidos e China.

    O sentimento é de que com o óleo mais caro, o etanol fica ainda mais atrativo para as usinas do Brasil, potencialmente diminuindo a oferta de açúcar.

    Ao mesmo tempo, o consumo do biocombustível não para de crescer, em setembro, dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) compilados pela União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA) indicam o maior consumo de etanol hidratado em 2019 – 1,87 bilhão de litros, crescimento de 4,1% em relação ao mesmo período de 2018.

     Os contratos com entrega em março/2020 encerraram o dia a 12,51 centavos de dólar por libra-peso, alta de 0,03 centavo (+0,24%). A mínima do dia foi 12,57 cents/lb, e a máxima 12,57 centavos.

     Fábio Rübenich (fabio@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2019 – Grupo CMA