Algodão brasileiro volta a ganhar competitividade no exterior

78

    Porto Alegre, 8 de novembro de 2019 – A manutenção da firmeza do dólar em relação ao real e os ganhos expressivos verificados pelo algodão na Bolsa de Nova York garantiram para os preços domésticos da pluma ao final desta semana.

    No CIF de São Paulo, a indicação média ficou em R$ 2,52 por libra-peso no dia 7, com alta de 0,6% em relação ao dia anterior, acumulando ganhos de 2,2% em relação ao mesmo período do mês passado e perdas de 13,9% quando se compara a igual momento do ano passado.

    No FOB do porto de Santos/SP, a indicação nesta quinta-feira ficou em 63,06 centavos de dólar por libra-peso (c/lb), valor 2,0% inferior ao do contrato spot da fibra na Bolsa de Nova York. Há um mês era 0,4% superior.

    “Esses números mostram que mesmo com a alta dos preços em reais no mercado doméstico, a fibra brasileira barateou em relação à norte-americana”, destaca o analista de SAFRAS & Mercado, Élcio Bento.

     Rodrigo Ramos (rodrigo@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2019 – Grupo CMA