Biosev registra prejuízo de R$ 304 milhões no 2T20

154

     Porto Alegre, 12 de novembro de 2019 – A Biosev divulgou os resultados referentes ao segundo trimestre do ano safra 2019/20 – 2T20.

     A companhia registrou prejuízo líquido trimestral de 304,3 milhões de reais, quase o dobro em relação ao verificado no mesmo período da safra passada, com o resultado financeiro negativo crescendo 145%, para 738,6 milhões de reais.

     Veja outros destaques do 6M20:

  • EBITDA Ajustado ex-revenda/HACC/IFRS16 atingiu R$ 1,04 bilhão, um

crescimento de 32,5%, com Margem EBITDA de 43,9%, um aumento de

11,4 p.p., e EBITDA Unitário de R$ 45,7 por tonelada, crescendo 29,0%,

quando comparado com 6M19;

• Mix de etanol atingiu 63,5%, 1,3 p.p. superior ao 6M19, em função da maior rentabilidade desse produto frente ao açúcar;

• Moagem de cana cresceu 2,7%, totalizando 22,7 milhões de toneladas;

• Produtividade agrícola consolidada (TCH) cresceu 3,5%, atingindo 83,1 ton/ha;

• Eficiência Industrial (ATR Produto/ATR Cana) cresceu 0,9% e atingiu

1,012 em 6M20.

  • Redução de 15,0% na receita de açúcar, em função da redução no volume de vendas (-18,8%), parcialmente compensada por maiores preços (+4,7%).
  •  Aumento da receita de etanol em 12,1%, em função de maiores preços (+17,1%), parcialmente compensada por menores volumes de venda (-4,3%).

     As informações partem da assessoria de imprensa da Biosev.

     Fábio Rübenich (fabio@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2019 – Grupo CMA