Algodão apresenta cotações fracas no Brasil nesta quarta-feira

399

    Porto Alegre, 08 de janeiro de 2020 – Com os compradores pouco ativos e com o dólar mais fraco, as cotações do algodão voltaram a perder força no mercado doméstico. Nas regiões de produção do Mato Grosso as indicações oscilam entre R$ 2,52/2,58 por libra-peso. Segundo o consultor de SAFRAS & Mercado, Élcio Bento, com boa parte da safra comercializada de forma antecipada, os cotonicultores estão com as atenções voltadas para o plantio da safra nova.

     No CIF de São Paulo a pluma foi cotada a uma média de R$ 2,68/libra-peso, com queda de 0,37% em relação ao dia anterior. No acumulado em relação ao mês anterior a fibra conta com ganhos de 1,5%. Quando se compara ao mesmo momento do ano anterior apresenta queda de 10,7%.

     No FOB do porto de Santos a fibra brasileira fechou indicada a 67,52 cents de dólar por libra-peso (c/lb), valor 3,5% inferior ao fechamento do contrato spot na Bolsa de Nova York. Há um mês era 1% inferior.

     Nova York

     A Bolsa de Mercadorias de Nova York (ICE Futures) para o algodão fechou com preços levemente mais altos.

     Em uma sessão volátil em que NY teve perdas em parte do dia, os contratos mais próximos e mais negociados fecharam com ganhos em meio a fatores técnicos. Segundo consultor de SAFRAS & Mercado, Élcio Bento, o mercado está na expectativa para o relatório semanal com as vendas líquidas americanas semanais, a ser divulgado pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) nesta quinta-feira. O mercado também aguarda o relatório de oferta e demanda do USDA, a ser divulgado sexta-feira.

     O consultor observa que o mercado também está na expectativa em torno do acordo entre Estados Unidos e China e acompanha as notícias das tensões entre EUA e Irã.

     Os contratos com entrega em março/2020 fecharam a 69,96 centavos de dólar por libra-peso, alta de 0,13 centavo, ou de 0,2%. Maio/2020 fechou a 71,10 centavos, ganho de 0,13 centavo, ou de 0,2%.

     Câmbio

     O dólar comercial encerrou a sessão de hoje com queda de 0,27%, sendo negociado a R$ 4,0550 para venda e a R$ 4,0530 para compra. Durante o dia, a moeda norte-americana oscilou entre a mínima de R$ 4,0420 e a máxima de R$ 4,0780.

     Lessandro Carvalho (lessandro@safras.com.br) – Agência SAFRAS

Copyright 2020 – Grupo CMA