Federação Única dos Petroleiros aprova greve a partir de sábado

344

Porto Alegre, 28 de janeiro de 2020 – A Federação Única dos Petroleiros (FUP) disse que os trabalhadores do sistema Petrobras aprovaram um indicativo de greve por tempo indeterminado, contra as demissões na Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados do Paraná (Fafen) e o descumprimento do acordo coletivo de trabalho.

Em nota, a entidade afirmou que todos os sindicatos vinculados a ela comunicaram a Petrobras e as subsidiárias com o início da greve no próximo sábado (1). Porém, o abastecimento da população durante a paralisação está garantido.

A federação ressaltou que a política agressiva do atual governo de privatização e fechamento de unidades estratégicas da estatal impacta os petroleiros, com demissões em massa e ataques a direitos pactuados em acordos, além de prejudicar a população.

“As demissões e transferências em massa que estão ocorrendo no Sistema Petrobrás em função das privatizações e fechamento de unidades ferem os Acordos de Trabalho pactuados com as representações sindicais”.

As informações são da Agência CMA.

Revisão: Gabriel Nascimento (gabriel.antunes@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2020 – Grupo CMA