ICAC projeta importações de algodão da China em 1,8 mi de t em 2019/20

698

    Porto Alegre, 6 de fevereiro de 2020 – O Comitê Internacional do Algodão (Icac) estima que a China deve seguir como o maior importador mundial em 2019/20, com 1,8 milhão de toneladas. Isso represente uma queda de 14% frente à temporada anterior. Os números fazem parte do relatório de fevereiro da entidade.

     A produção em importantes países deve recuar na temporada, com a Turquia reduzindo para 815 mil toneladas e o Paquistão para 1,35 milhão de toneladas. Como resultado, as importações dos dois países devem subir, para 818 mil toneladas e 967 mil toneladas, respectivamente. 

     No Brasil, a produção deve atingir 2,76 mil toneladas, com a exportação devendo subir 19%, para 1,7 milhão de toneladas em 2019/20. A safra da Argentina deve aumentar em 39%, para 358 mil toneladas, enquanto as exportações devem crescer 57%, para 186 mil toneladas.  

     Rodrigo Ramos (rodrigo@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2020 – Grupo CMA