Colheita de arroz atinge 5% da área RS, aponta Emater

651

     Porto Alegre, 28 de fevereiro de 2020 – As lavouras de arroz no Rio Grande do Sul continuam se beneficiando com as temperaturas quentes e a elevada taxa de radiação solar, associadas à disponibilidade de água para as plantas. Tais fatores indicam bom rendimento na ocasião da colheita, que atinge 5% da área plantada, segundo boletim semanal divulgado pela Emater.

     As lavouras estão entre as fases de germinação/desenvolvimento vegetativo (4%) floração (28%), enchimento de grãos (37%) e maturação (26%).

     No levantamento semanal de preços realizado pela Emater/RS-Ascar, a cotação do arroz no RS alcançou preço médio de R$ 49,54/sc., um aumento de 1,81% em relação ao da semana anterior.

     Revisão: Arno Baasch (arno@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2020 – Grupo CMA