Perspectiva de maior consumo de derivados de trigo impulsiona Chicago

498


     Porto Alegre 18 de março de 2020 – A Bolsa de Mercadorias de Chicago (CBOT) para o trigo encerrou com preços mais altos, na contramão de outros mercados. A perspectiva de maior consumo de produtos derivados do cereal sustentou as cotações.

     O sentimento é que a população vai demandar mais produtos alimentícios oriundos do trigo nos próximos meses, em decorrência das medidas de isolamento por conta da pandemia do coronavírus.

     Essa informação foi suficiente para neutralizar o impacto negativo da queda acentuada do petróleo e do desempenho negativo dos mercados financeiros.

     Os contratos com entrega em maio encerraram cotados a US$ 5,08 1/4 por bushel, alta de 9,00 centavos de dólar, ou 1,8%, em relação ao fechamento anterior. Os contratos com entrega em julho de 2020 eram negociados a US$ 5,08 1/2, com ganho de 8,50 centavos ou 1,7%.

     Dylan Della Pasqua (dylan@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2020 – Grupo CMA