Pacote de estímulos à economia é rejeitado no Senado dos EUA

658

     Porto Alegre, 23 de março de 2020 – Os democratas do Senado dos Estados Unidos bloquearam um pacote de resgate projetado para atenuar o impacto econômico da pandemia de coronavírus, após uma disputa com republicanos sobre provisões de resgate de empresas e auxílio a trabalhadores deslocados. As informações são da agência de notícias “Dow Jones”.

     Os legisladores e funcionários da administração ainda esperam chegar a um acordo sobre um pacote que vale tanto quanto US$ 1,3 trilhão para permitir que ambas as câmaras do Congresso o aprovem esta semana. As negociações se estenderam até tarde da noite de ontem.

     Logo após a votação do procedimento, os futuros da Dow caíram 5%, pressionando o gatilho que parava as negociações.

     O número de casos confirmados nos Estados Unidos ultrapassou 32 mil no domingo, um aumento de 10 vezes em relação a uma semana antes, e para os senadores, o vírus chegou em casa, com o senador Rand Paul, republicano de Kentucky, tornando-se o primeiro a anunciar um teste positivo para o Covid-19.

     Dois outros senadores do Partido Republicano que interagiram estreitamente com Paul disseram que se colocariam em quarentena, estreitando a maioria republicana no Senado.

     Os democratas disseram que bloquearam a votação porque o pacote elaborado pelos republicanos com contribuição democrata favoreceu as corporações e não foi longe o suficiente para ajudar indivíduos enfrentando desemprego e perda de renda. A moção para aprovar a legislação foi rejeitada por 47 votos a favor e 47 contrários, ficando abaixo dos 60 votos necessários.

     Após a votação, os líderes republicanos e democratas do Senado se culparam pelo impasse, mas prometeram continuar trabalhando no plano. O líder da maioria no Senado, Mitch McConnell, disse ontem que uma segunda votação processual seria realizada na manhã de hoje, mas o líder da minoria do Senado, o democrata Chuck Schumer, contestou, bloqueando-o até o meio-dia. Com informações da Agência CMA.

Copyright 2020 – Grupo CMA