Café despenca em NY com chegada da safra brasileira

453

     Porto alegre, 24 de abril de 2020 – O mercado internacional de café teve uma semana de forte queda nas cotações, com base na Bolsa de Nova York para o arábica (ICE Futures US). O mercado recuou diante de fatores técnicos e da alta do dólar contra o real e outras moedas, em meio à pandemia do coronavírus, mas especialmente com o começo da colheita da safra nova brasileira, que tende a ser recorde.

     Tecnicamente, NY rompeu suportes e já opera abaixo de US$ 1,10 a libra-peso no contrato julho nesta sexta-feira. Segundo o consultor de SAFRAS & Mercado, Gil Barabach, a entrada da safra brasileira é o principal aspecto fundamental baixista no momento. Ele indica que, em meio à grande volatilidade, o café assumiu um viés de consolidação negativa, diante da chegada da safra brasileira 2020. E, por isso, altera o patamar de atuação para baixo. “A disparada do dólar, especialmente frente ao real, também ajuda a pressionar o café na bolsa norte-americana”, afirma.

     No balanço da semana, o café em NY no contrato julho caiu de 119,70 centavos de dólar por libra-peso no fechamento do dia 16 para 112,40 centavos no fechamento desta quinta-feira, dia 23, acumulando perda de 6,1%. E vem caindo mais 5% até o fechamento da edição desta coluna. Em Londres, o café robusta para julho caiu no mesmo período comparativo 4,6%.

     No Brasil, o mercado físico foi sustentado na semana pela forte valorização do dólar, que vai batendo recorde atrás de recorde. Da quinta-feira passada (16) até esta quinta-feira última (23), o dólar comercial avançou de R$ 5,255 para R$ 5,523, alta de 5,1%.

     Assim, mesmo com o tombo na Bolsa de NY, o café arábica bebida boa no sul de Minas Gerais, referência no país, avançou na base de compra entre o dia 16 e 23 de R$ 595,00 para R$ 600,00 a saca de 60 quilos. No mesmo comparativo, o café conilon tipo 7 em Vitória, Espírito Santo, recuou de R$ 327,00 para R$ 325,00 a saca.

     Lessandro Carvalho (lessandro@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2020 – Grupo CMA