Cargill investe mais de R$ 656 milhões no Brasil em 2019

790


     Porto Alegre, 29 de abril de 2020 – Em 2019, a Cargill anunciou investimentos previstos de R$ 500 milhões. Até o final do ano, a empresa havia aumentado esse valor, atingindo R$ 656 milhões investidos no Brasil (aumento de 31%). Com receita operacional líquida de R$ 50 bilhões, o que representa um crescimento de 7% em relação ao ano anterior, a Companhia obteve lucro líquido de mais de 350 milhões de reais, fornecendo uma base para continuar investindo na economia brasileira.

     “2019 foi um ano forte para a colheita do Brasil, que aumentou a receita, pois os volumes negociados foram maiores que o ano anterior. O volume total originado, processado e comercializado ultrapassou 36 milhões de toneladas em 2019 – 12% acima do total do ano anterior”, afirmou Paulo Sousa, presidente da Cargill no Brasil.

     “Ao olharmos para 2020, com os impactos econômicos e a diminuição de demanda causados pela pandemia do Covid-19, vamos lidar com um cenário sem precedentes nas últimas gerações. Mas seguimos apostando no potencial, e fazendo nossa parte, em ter o Brasil como um fornecedor confiável de alimentos para o mundo. Segurança alimentar aqui no Brasil, e suprimento confiável e competitivo para os clientes globais”, afirma Sousa.

     Aposta no país em cenário desafiador

     A pandemia do Covid-19 trouxe um cenário difícil para a economia e impactou todos os setores do mercado brasileiro. A Cargill acredita no potencial de fornecimento do país e reforça seu compromisso com os investimentos no Brasil. A empresa segue os planos da construção, em andamento, da nova fábrica de Pectina localizada em Bebedouro, interior de São Paulo.

     Esse projeto não expande apenas as possibilidades no mercado global de Pectina, mas também reforça a inovação do portfólio da empresa e a possibilidade de ofertar aos seus clientes maior flexibilidade nos blends para atender diferentes necessidades de aplicação.

     Acompanhando às mudanças no comportamento de seus consumidores, a Cargill também já vislumbra alterações nos seus produtos. Assim, a empresa continuará sua jornada de investimento na inovação e geração de valor para seus clientes, tanto nas linhas de óleos para consumo como de atomatados. Novas apresentações e novos formatos farão parte dessa agenda. As marcas principais como, Liza, Elefante, Pomarola estarão cada vez mais próximas dos consumidores com foco estratégico em comunicação digital. Além disso, a companhia investe no fortalecimento dos seus negócios em food service, principalmente no cenário pós pandemia, e nas soluções que entrega para o food industry.

     Dentro do mercado de nutrição animal, apesar da pandemia, a Cargill vislumbra que a demanda mundial por proteína continuará alta em 2020. Além do desafio de preços das carnes e dos insumos, muitos produtores também têm sido afetados por interrupções na sua cadeia de fornecimento, demandando por matérias primas alternativas. Dessa forma, a Cargill quer estar cada vez mais ao lado dos produtores, os apoiando em seus desafios de crescimento e gestão de custos.

Copyright 2020 – Grupo CMA