NY sobe quase 3% e deve sustentar mercado doméstico de café

83

     Porto Alegre, 18 de agosto de 2020 – O mercado brasileiro de café deve apresentar preços entre estáveis e mais altos nesta terça, acompanhando a elevação dos contratos futuros em Nova York. A queda de mais de 1% do dólar deve limitar a recuperação, mas em dia que promete uma melhor movimentação.

     O mercado teve uma segunda-feira de ritmo mais lento nos negócios. As cotações ficaram de estáveis a moderadamente mais baixas no comparativo com a sexta-feira.

     Apesar do fechamento em alta para o arábica na Bolsa de Nova York (ICE Futures US), e também do dólar, a procura mais cautelosa do comprador, que buscou mais cerejas descascados e cafés certificados, se refletiu em cotações sob pressão para alguns grãos. Os cafés mais finos seguiram sustentados.

     No sul de Minas Gerais, o café arábica bebida boa com 15% de catação

ficou em R$ 565,00/570,00 a saca, contra R$ 570,00/575,00 de sexta-feira. No cerrado mineiro, arábica bebida dura com 15% de catação teve preço de R$ 570,00/575,00 a saca, contra R$ 575,00/580,00 anteriormente.

     Já o café arábica “rio” tipo 7 na Zona da Mata de Minas Gerais, com 20% de catação, teve preço de R$ 400,00/405,00 saca, estável. O conilon tipo 7 em Vitória, Espírito Santo, teve preço de R$ 380,00/385,00 a saca, sem alterações.

EXPORTAÇÕES

* As exportações brasileiras de café em grão em agosto chegaram a 1.715.183 sacas de 60 quilos no acumulado do mês até o dia 16, com 10 dias úteis computados (média diária de 171.518 sacas), com receita chegando a US$ 198,028 milhões (média diária de US$ 19,803 milhões), e preço médio de US$ 115,46 por saca.

* A receita média diária obtida com as exportações de café em grão em agosto é 16,5% maior no comparativo com a média diária de agosto de 2019, que fora de US$ 8,597 milhões. Já o volume médio diário embarcado é 19,85% maior que o de agosto de 2019, que tinha o registro de 143.115 sacas diárias de média. As informações partem da Secretaria de Comércio Exterior (Secex).

CGA

* Os estoques norte-americanos de café verde (em grão) diminuíram em 6.849 sacas de 60 quilos em julho na comparação com junho, conforme relatório mensal da Green Coffee Association (GCA).

* O total de café verde depositado nos armazéns credenciados pela GCA em 31 de julho de 2020 chegava a 7.054.349 sacas, ante as 7.061.198 sacas em 30 de junho de 2020.

NOVA YORK

* Os contratos com entrega em dezembro registram valorização de 2,89% na Bolsa de Mercadorias de Nova York (ICE), cotados a 120,85 centavos de dólar por libra-peso.

* A posição dezembro fechou na segunda-feira a 115,55 centavos de dólar por libra-peso, com alta de 0,85 centavo, ou de 0,7%.

CÂMBIO

* O dólar comercial registra desvalorização de 1,27%, cotado a R$ 5,426.

INDICADORES FINANCEIROS

* As principais bolsas da Ásia fecharam em alta. Xangai, +0,36%. Tóquio, -0,2%, sendo a exceção.

* As principais bolsas na Europa operam mistas. Paris, +0,23%; Frankfurt, +0,57%; Londres, -0,04%.

* O petróleo opera com perdas. Setembro do WTI em NY: US$ 42,72 o barril (-0,39%).

* O Dollar Index registra baixa de 0,58%, a 92,32 pontos.

AGENDA

– Dados de desenvolvimento das lavouras do Paraná – Deral, na parte da manhã.

—–Quarta-feira (19/08)

– Japão: A balança comercial de julho será publicada na noite anterior pelo Ministério de Finanças.

– Reino Unido: O índice de preços ao consumidor de julho será publicado às 3h pelo departamento de estatísticas.

– Reino Unido: O índice de preços ao produtor julho será publicado às 3h pelo departamento de estatísticas.

– Eurozona: A leitura final do índice de preços ao consumidor de julho será publicada às 6h pela Eurostat.

– A posição dos estoques de petróleo até sexta-feira da semana passada será publicada às 11h30min pelo Departamento de Energia (DoE).

– EUA: A ata da última reunião de política monetária será publicada às 15h pelo Federal Reserve.

—–Quinta-feira (20/08)

– Alemanha: O índice de preços ao produtor de julho será publicado às 3h pelo Destatis.

– Eurozona: O Banco Central Europeu (BCE) publica às 8h30 ata da reunião de política monetária realizada nos dias 15 e 16 de julho.

– Atualização da estimativa da safra de cana-de-açúcar do Brasil 2020 – Conab, 9hs.

– Exportações semanais de grãos dos EUA – USDA, 9h30min.

– Dados de desenvolvimento das lavouras argentinas – Bolsa de Cereais de Buenos Aires, 15hs.

– Dados das lavouras no Rio Grande do Sul – Emater, na parte da tarde.

– Relatório mensal sobre as lavouras argentinas – Ministério da Agricultura, na parte da tarde.

—–Sexta-feira (21/08)

– Japão: O índice de preços ao consumidor de julho será publicado na noite anterior pelo Ministério de Assuntos Internos e Comunicação.

– Dados do desenvolvimento das lavouras da Argentina – Ministério da Agricultura, no início do dia.

– Dados de desenvolvimento das lavouras do Mato Grosso – IMEA, na parte da tarde.

     Dylan Della Pasqua (dylan@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2020 – Grupo CMA