Nova estratégia do Fed é forma flexível de meta de inflação, diz Powell

88

NPorto Alegre, 27 de agosto de 2020 – O presidente do Federal Reserve (Fed), Jerome Powell, anunciou o que era amplamente esperado: a mudança na forma como o banco central norte-americano lida com a meta de inflação de 2%. O efeito prático disso é que pode levar muito mais tempo para que a taxa de juros volte a subir nos Estados Unidos.

“Ao buscar atingir uma inflação média de 2% ao longo do tempo, não estamos nos amarrando a uma fórmula matemática particular que define a média”, disse ele durante simpósio virtual de Jackson Hole.

No discurso, Powell afirma a importância de promover um mercado de trabalho forte e disse que a mudança do Fed é, em grande, parte destinada a lidar com um ambiente de taxas de juros persistentemente baixas e inflação fraca, que limitam a capacidade de curto prazo do banco central norte-americano de cumprir seu mandato duplo.

As informações são da Agência CMA.

Revisão: Gabriel Nascimento (gabriel.antunes@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2020 – Grupo CMA