Juros baixos no Brasil podem comprometer alguns mercados – Ata do Copom

76

     Porto Alegre, 22 de setembro de 2020 – O Copom aprofundou a discussão e avaliou também a importância dos componentes do custo de crédito e do custos operacionais do sistema financeiro, concluindo que, diante do “longo histórico da economia brasileira operando com taxa básica de juros em nível elevado, os juros baixos sem precedentes podem comprometer o desempenho de alguns mercados e setores econômicos, com potencial impacto sobre a intermediação financeira”.

     Diante disso, o Comitê do BC concluiu que um ambiente com juros baixos sem precedentes pode gerar aumento da volatilidade de preços de ativos e afetar, sem devido tempo necessário de transição para um novo ambiente, o bom funcionamento e a dinâmica do sistema financeiro e do mercado de capitais. “Assim, o Comitê concluiu que eventuais novas reduções na taxa de juros exigiriam cautela e gradualismo adicionais”.

     Para o BC, caso novos cortes nos juros básicos sejam necessários, será preciso ter maior clareza sobre a atividade e a inflação no horizonte à frente, sendo que as reduções adicionais “poderiam ser temporalmente espaçadas”. As informações constam na ata da reunião deste mês do Copom e foram divulgadas pela Agência CMA.

     Revisão: Rodrigo Ramos (rodrigo@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2020 – Grupo CMA