Indices da Ásia fecham mistos com defensiva ante avanço da covid-19

250

     Porto Alegre, 28 de outubro de 2020 – Os principais índices do mercado de ações asiático fecharam sem direção comum, por um lado refletindo o avanço de casos do novo coronavírus e, por outro, com sinais de recuperação da economia chinesa.

     “Os investidores ficaram na defensiva novamente, com os casos da covid-19 aumentando em quase todo o mundo, com muitos países recorrendo a restrições vistas pela última vez no segundo trimestre”, de acordo com analista do ING, em relatório.

     “As preocupações de que o crescimento global está se encaminhando para outra desaceleração pesaram no sentimento, com o tão esperado plano de estímulo fiscal dos Estados Unidos provavelmente arquivado até depois da eleição, com os senadores agora em recesso”.

     Além disso, amanhã, o Banco Central Europeu (BCE) e o Banco do Japão (BoJ) anunciam suas decisões de política monetária, enquanto os Estados Unidos devem relatar uma recuperação sólida nos dados do PIB do terceiro trimestre.

     Na China, as ações fecharam em alta na Bolsa de Xangai pelo segundo dia consecutivo, em meio a sinais de recuperação econômica no país e enquanto os investidores aguaram a oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) do Ant Group, entre outras.

     Confira abaixo a variação e a pontuação de fechamento dos índices siáticos:

     Nikkei 225 (Tóquio): -0,29%, 23.418,51 pontos

     Hang Seng (Hong Kong): -0,32%, 24.708,80 pontos

     Xangai Composto (Xangai): +0,46%, 3.269,24 pontos

     Kospi (Seul): +0,62%, 2.345,26 pontos

     Com informações da Agência CMA.

     Revisão: Arno Baasch (arno@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2020 – Grupo CMA