Açúcar sobe mais de 3% em NY e renova máximas de oito meses e meio

324

    Porto Alegre, 16 de novembro de 2020 – A Bolsa de Mercadorias de Nova York (ICE Futures US) para o açúcar bruto encerrou o pregão eletrônico com cotações em forte alta.

    Conforme operadores ouvidos pela Reuters, o mercado foi impulsionado por sinalização de aperto na disponibilidade de oferta de curto prazo, o que é evidenciado pelo crescimento do prêmio da posição março em relação aos contratos com entrega em maio.

     Ordens automáticas de compra (stops) de fundos e especuladores foram acionados, intensificando os ganhos.

    A disparada do petróleo, combinada com a valorização da moeda brasileira, fez o mercado futuro de encontrar sustentação no clima de menor aversão ao risco no cenário financeiro mundial neste início de semana.

    O acordo comercial fechado entre países asiáticos e notícias favoráveis sobre os testes envolvendo a vacina da Moderna para o coronavírus reforçaram a confiança sobre a recuperação da economia global.

    Os contratos com entrega em março/2021 encerraram o dia a 15,47 centavos de dólar por libra-peso, com alta de 0,51 centavo (+3,4%) em relação ao fechamento anterior. A mínima do dia foi de 14,96 centavos, e a máxima chegou a 15,58 centavos.

     Fábio Rübenich (fabio@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2020 – Grupo CMA