Ações da Ásia fecham mistas com vacina e propagação da covid-19

130
Economia agricola
Economia agricola

     Porto Alegre, 17 de novembro de 2020 – Os principais índices do mercado de ações asiático fecharam sem direção comum, por um lado otimistas com avanços em vacinas contra covid-19 e, por outro, refletindo temores com a contínua propagação do vírus.

     A Moderna informou ontem que os dados preliminares de testes da fase três mostram que sua vacina é mais de 94% eficaz na prevenção do novo coronavírus. A notícia levou a Bolsa de Tóquio a fechar em seu nível mais alto desde maio de 1991. A Bolsa de Hong Kong também subiu.

    “Os mercados asiáticos obtiveram um impulso com os desenvolvimentos positivos na área de vacinas, com uma segunda vacina candidata relatando números encorajadores”, de acordo com os analistas do ING Prakash Sakpal e Nicholas Mapa.

     “As esperanças de uma aprovação oficial para uso de emergência são altas, ajudando a elevar o sentimento, embora novas infecções por covid-19 continuem a aumentar em todo o mundo”, disseram. “Os investidores provavelmente ficarão de olho nos desdobramentos da pandemia, monitorando novos casos e possíveis ações do governo enquanto observam o desenvolvimento de vacinas para obter mais orientações”.

     Na Coreia do Sul, entraram em vigor medidas de distanciamento social mais restritas em resposta a um recente aumento nos casos de infecção pelo novo coronavírus, o que levou a Bolsa de Seul a fechar em queda. As ações da Samsung caíram quase 1%.

     Confira abaixo a variação e a pontuação de fechamento dos índices asiáticos:

     Nikkei 225 (Tóquio): +0,42%, 26.014,62 pontos

     Hang Seng (Hong Kong): +0,13%, 26.415,09 pontos

     Xangai Composto (Xangai): -0,21%, 3.339,90 pontos

     Kospi (Seul): -0,15%, 2.539,15 pontos

     Com informações da Agência CMA.

     Revisão: Arno Baasch (arno@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2020 – Grupo CMA