Custo de produção de algodão sobe 2,04% no MT em outubro

191


     Porto Alegre, 17 de novembro de 2020 – As despesas com a produção do algodão em MT para a safra 20/21 ficaram ainda mais caras em outubro, segundo levantamento do IMEA. O custo operacional efetivo (COE) aumentou 2,04% em relação a setembro, ficando estimado em R$ 9.767,35/ha até o mês passado.

     Os principais itens que sustentaram essa valorização foram os fertilizantes e corretivos (+1,13%) e defensivos (+1,51%). Já para o custo operacional total (COT), a estimativa é de R$ 10.121,42/ha, aumento de 1,96% no comparativo com setembro.

     Assim, para que o produtor consiga cobrir pelo menos o seu COE, é preciso que negocie a sua pluma a uma média de R$ 83,83/@. Por fim, é importante salientar que se aproxima o início da semeadura do algodão nas primeiras áreas no estado —previsto para a terceira semana de dezembro —e os produtores que ainda não finalizaram as aquisições dos insumos poderão se beneficiar com o recuo do dólar dos últimos dia.

Copyright 2020 – Grupo CMA