fbpx
Monitor

Mercado de milho deve retomar negócios em ritmo lento no Brasil

Porto Alegre, 2 de janeiro de 2019 – O mercado brasileiro de milho deve retomar os negócios em ritmo lento após o feriado de Ano Novo. A preocupação com o clima para o desenvolvimento das lavouras segue como um fator de suporte aos preços. A Bolsa de Chicago retomará os negócios mais tarde hoje, a partir das 12h30, ainda em função do feriado de Ano Novo.

 

CHICAGO

 

* A Bolsa de Mercadorias de Chicago retoma as operações hoje a partir das 12h30.

 

* Na segunda-feira (31), o mercado apresentou poucas movimentações de negócios, sendo pressionado por um movimento de vendas por parte de fundos especuladores. A notícia de um telefonema positivo entre os presidentes dos Estados Unidos, Donald Trump e da China, Xi Jimping, que seguem negociando um acordo comercial, amenizou a desvalorização.

 

* Na sexta-feira (31), os contratos de milho com entrega em março de 2019 fecharam a US$ 3,75, baixa de 0,50 centavo de dólar, ou 0,13%, em relação ao fechamento anterior.

 

CÂMBIO

 

* O dólar comercial opera a US$ 3,8870, com alta de 0,25%.

 

INDICADORES FINANCEIROS

 

* As principais bolsas da Ásia fecharam em queda. Xangai, -1,15%. Tóquio, não operou.

 

* As bolsas na Europa operam em baixa. Paris, -1,54%; Londres, -0,27%; Frankfurt, -0,58%.

 

* O petróleo opera em baixa. Fevereiro do WTI em NY: US$ 45,03 barril (-0,83%).

 

* O Dollar Index registra alta de 0,31% a 96,38 pontos.

 

MERCADO

 

* O mercado brasileiro de milho registrou preços estáveis nesta sexta-feira (28). Com muitos agentes fora de atividade, o mercado se arrastou e manteve as cotações inalteradas, ante as festividades de Ano Novo.

 

* No porto de Santos, a cotação ficou em R$ 39,00 a saca na base de compra. Em Paranaguá, R$ 38,50 a saca na base de compra.

 

* No Paraná, a cotação ficou em R$ 33,00/34,00 a saca em Cascavel. Em São Paulo, o preço esteve em R$ 36,50/37,00 na Mogiana. Em Campinas CIF, preço de R$ 41,00/42,00 a saca.

 

* No Rio Grande do Sul, preço ficou em R$ 37,00/38,00 a saca em Erechim. Em Minas Gerais, preço em R$ 34,00/35,00 a saca em Uberlândia. Em Goiás, preço esteve em R$ 30,00/31,00 em Rio Verde. Em Mato Grosso, preço ficou a R$ 26,00/27,00 a saca em Rondonópolis, na base do vendedor.

 

AGENDA

 

– Inspeções de exportação semanal dos EUA – USDA, 14hs.

 

– Balança comercial de dezembro – MDIC, 15hs.

 

 

—–Quinta-feira (3/01)

 

– Condições das lavouras dos Paraná – Deral, início do dia.

 

– Dados de desenvolvimento das lavouras argentinas – Bolsa de Cereais de Buenos Aires, 16hs.

 

– Dados das lavouras no Rio Grande do Sul – Emater, na parte da tarde.

 

 

—–Sexta-feira (4/01)

 

– Alemanha: A taxa de desemprego de dezembro será publicada às 7h pela agência federal de emprego.

 

– Eurozona: O índice de preços ao produtor de dezembro será publicado às 8h pela Eurostat.

 

– IPP de novembro no Brasil – IBGE, 9hs.

 

– EUA: o número de empregos criados ou perdidos pela economia (payroll) e a taxa de desemprego referentes a dezembro serão publicados às 11h30 pelo Departamento do Trabalho.

 

– Exportações semanais de grãos dos EUA – USDA, 11h30min.

 

– EUA: a posição dos estoques de petróleo até sexta-feira da semana passada será publicada às 14hs pelo Departamento de Energia (DoE).

 

– Dados sobre a evolução das lavouras do Mato Grosso – Imea, na parte da tarde.

 

Arno Baasch ([email protected]) / Agência SAFRAS

 

Copyright 2018 – Grupo CMA

Sobre o autor

Arno Baasch

Deixe um Comentário