fbpx
Noticias açúcar

Nova York fecha semana com forte alta acumulada

Porto Alegre, 11 de janeiro de 2019 – A Bolsa de Mercadorias de Nova York (ICE Futures US) para o açúcar bruto encerrou o pregão eletrônico desta sexta-feira com cotações mais altas, e acumulando um robusto ganho semanal.

 

No entanto, segundo o analista de SAFRAS & Mercado, Maurício Muruci, o mercado dá sinais de saturação após o rally, com os contratos com entrega em março respeitando a resistência situada em 12,92 centavos de dólar por libra-peso.

 

Uma das novidades do dia é que governo da Índia está considerando elevar o preço mínimo de venda do açúcar. “O movimento provavelmente ajudará os produtores do país, que estão lutando para exportar seu excedente devido à queda nos preços globais e ao fortalecimento da rupia”, disse Muruci. As exportações de açúcar da Índia devem ser bem menores do que a meta de 5 milhões de toneladas estabelecida por Nova Déli, apesar do esforço do governo para as vendas ao exterior. “É interessante notar que o USDA indica que a Índia exportará na verdade 4 milhões de toneladas, 1 milhão a menos que a meta do governo, esta a qual já se encontra com 1,2 milhão contratadas pela China ainda em dezembro, um volume menor, evidentemente, que os 1,5 milhão contratados na safra internacional anterior”, disse Muruci.

 

Os contratos com entrega em março/2019 encerraram o dia a 12,78 centavos de dólar por libra-peso, alta de 0,11 centavo (+0,86%) em relação ao fechamento anterior, enquanto na semana avançou 7,12%. A mínima do dia foi 12,68 cents/lb, e a máxima 12,91 centavos.

 

Fábio Rübenich ([email protected]) / Agência SAFRAS

 

Copyright 2019 – Grupo CMA

 

 

Sobre o autor

Fabio Rubenich

Deixe um Comentário