fbpx
Mercado

Soja encerra semana com poucos negócios no Brasil

 

Porto Alegre, 10 de janeiro de 2019 – O mercado brasileiro de soja teve uma sexta de poucos negócios e preços mistos. A volatilidade do dólar prejudicou os negócios. Chicago subiu, mas não o suficiente para animar os produtores.

 

Em Passo Fundo (RS), a saca de 60 quilos permaneceu em R$ 75,00. Na região das Missões, a cotação seguiu em R$ 74,50 a saca. No porto de Rio Grande, os preços permaneceram em R$ 78,50.

 

Em Cascavel, no Paraná, o preço subiu de R$ 68,50 para R$ 70,50 a saca. No porto de Paranaguá (PR), a saca avançou de R$ 74,00 para R$ 76,00.

 

Em Rondonópolis (MT), a saca seguiu em R$ 68,00. Em Dourados (MS), a cotação permaneceu em R$ 68,00. Em Rio Verde (GO), a saca ficou em R$ 68,00.

 

Chicago

 

Os contratos futuros da soja negociados na Bolsa de Mercadorias de Chicago (CBOT) fecharam a sexta-feira com preços mais altos. O mercado reduziu as perdas acumuladas da semana, após a forte queda de ontem. As preocupações com a safra brasileira sustentaram o mercado.

 

A produção brasileira de soja em 2018/19 deverá totalizar 115,718 milhões de toneladas, com recuo de 4,2% sobre a safra da temporada anterior, que ficou em 120,808 milhões de toneladas. A previsão é de SAFRAS & Mercado. No relatório anterior, divulgado em novembro, a previsão era de 122,223 milhões de toneladas.

 

Entre as duas previsões, há um corte de 6,505 milhões de toneladas, o equivalente a 5,32%. A revisão para baixo é reflexo do clima desfavorável – estiagem – em alguns estados produtores.

 

Os contratos da soja em grão com entrega em março fecharam com alta de 3,50 centavos de dólar ou 0,38%, a US$ 9,10 1/4 por bushel. A posição maio teve cotação de US$ 9,23 3/4 por bushel, ganho de 3,50 centavos de dólar em relação ao fechamento anterior ou 0,38%.

 

Nos subprodutos, a posição março do farelo fechou com baixa de US$ 2,20 ou 0,69%, sendo negociada a US$ 314,60 por tonelada. No óleo, os contratos com vencimento em março fecharam a 28,41 centavos de dólar, com ganho de 0,22 centavo ou 0,78%.

 

Câmbio

 

     O dólar comercial encerrou a sessão de hoje com alta de 0,10%, sendo negociado a R$ 3,7140 para venda e a R$ 3,7120 para compra. Durante o dia, a moeda norte-americana oscilou entre a mínima de R$ 3,6930 e a máxima de R$ 3,7310. Na semana, o dólar comercial ficou praticamente estável, com ligeira queda de 0,05%.

 

Agenda de segunda

 

– A bolsa do Japão permanece fechada devido a um feriado.

 

– China: A balança comercial de dezembro será publicada pela alfândega durante a madrugada.

 

– Eurozona:  A produção industrial de novembro será publicada às 8h pela Eurostat.

 

– Boletim Focus, com projeções do mercado financeiro para a economia brasileira – Banco Central (BC), a partir das 8hs.

 

– Inspeções de exportação semanal dos EUA – USDA, 14hs.

 

– Balança comercial da 2ª semana de janeiro – MDIC, 15hs.

 

Dylan Della Pasqua (dylan@safras.com.br) / Agência SAFRAS

 

Copyright 2019 – Grupo CMA

Sobre o autor

Lessandro Rocha Carvalho

Deixe um Comentário