Café avança em NY com reação técnica

197

     Porto Alegre, 21 de janeiro de 2021 – A Bolsa de Mercadorias de Nova York (Ice Futures US) para o café arábica encerrou as operações desta quinta-feira com preços mais altos.

     Após as perdas da sessão anterior e de se aproximar de US$ 1,25 a libra-peso para março, o mercado teve um movimento de recuperação técnica nesta quinta-feira. Cobertura de posições vendidas de fundos e especuladores garantiu o suporte às cotações. Tecnicamente o mercado mostra suportes importantes.

     Segundo o consultor de SAFRAS & Mercado, Gil Barabach, embora o mercado dê sinais de enfraquecimento, após recentes baixas, tecnicamente a bebida continua acima das médias mais curtas e distante dos parâmetros de longo prazo, o que serve de alento técnico. “De outra forma, o mercado devolveu apenas 24% do recente movimento de alta (referência Fibonacci de acomodação). E isso é positivo para os preços de café, pois se alinha à ideia de mudança no patamar de atuação para cima, em meio à volatilidade financeira”, comenta.

     Assim, a posição Março/2021 sustenta importante suporte em 125 cents. “E tem como 1º objetivo de alta a linha de 128,75 cents e depois a referência de 130 cents. A meta gráfica de alta é 131,75 cents. Já a perda da linha de 123,50 tende a arrastar o mercado em direção ao patamar de 120 cents e depois ao fundo gráfico em 118,75 cents, o que daria maior vazão ao desmonte (parcial) da recente construção de alta”, avalia, tecnicamente, o consultor.

     Os contratos com entrega em março/2021 fecharam o dia a 126,45 centavos de dólar por libra-peso, com alta de 1,25 centavo, ou de 1,0%. A posição maio/2021 fechou a 128,50 centavos, elevação de 1,20 centavo, ou de 0,9%.

     Lessandro Carvalho (lessandro@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2021 – Grupo CMA