Chicago sobe com demanda pelo milho para etanol

186

Porto Alegre, 3 de fevereiro de 2021 – A Bolsa de Mercadorias de Chicago (CBOT) para o milho fechou a sessão de hoje com preços significativamente mais altos. Apesar de a China não ter confirmado novas compras nos Estados Unidos, a demanda para o cereal no segmento de etanol segue aquecida.

Segundo dados da AIE (Administração de Informação de Energia), a produção de etanol de milho dos Estados Unidos cresceu 0,32% na semana encerrada em 29 de janeiro, atingindo 936 mil barris diários (*), contra 933 mil barris diários na semana anterior (22). Já os estoques de etanol dos Estados Unidos passaram de 23,602 milhões de barris para 24,136 milhões de barris no mesmo período comparativo – aumentando 3%.

Os contratos de milho com entrega em março/21 fecharam a US$ 5,52, alta de 9,00 centavos de dólar, ou 1,65%, em relação ao fechamento anterior. A posição maio de 2021 fechou a sessão a US$ 5,49 por bushel, ganho de 6,75 centavos de dólar, ou 1,24%, em relação ao fechamento anterior.

Gabriel Nascimento (gabriel.antunes@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2021 – Grupo CMA